CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Natação

26/07/2012 00:00:00

Congresso técnico define balizamento das eliminatórias da natação


Londres/GBR – O congresso técnico da natação, na tarde desta quinta-feira, 26/07, definiu o balizamento das eliminatórias que acontecem a (...)

Londres/GBR – O congresso técnico da natação, na tarde desta quinta-feira, 26/07, definiu o balizamento das eliminatórias que acontecem a partir de sábado, 28/07, no Centro Aquático Olímpico. A prova de 400m medley abre a competição e Thiago Pereira está nela, na raia seis da terceira das cinco séries, que conta também com o japonês Kosuke Hagino, quarto do mundo em 2012 (4m10s26), na raia quatro. Thiago está balizado pelo tempo de classificação para os Jogos (4m12s42), e embora esta prova não é a principal dele,  Thiago tem na carreira a 10ª melhor marca de todos os tempos - 4m10s53 - feita em 2009. Na série seguinte, Michael Phelps estreia nos Jogos ao lado do húngaro Laszlo Cseh. Ryan Lochte está na última bateria para começar seu duelo com o conterrâneo Phelps nestes Jogos. Os três, Phelps, Laszlo e Lochte formaram o pódio de Pequim 2008. Thiago foi para a final e ficou em oitavo lugar. Daynara de Paula (58s56) será a segunda do país a cair na água na última das seis séries dos 100m borboleta. Ela virá na raia um e está na mesma bateria da americana Dana Vollmer, melhor de 2012 (56s42), com o tempo que fez em junho deste ano, na seletiva americana de Omaha. Na versão feminina dos 400m medley, Joanna Maranhão também está na última série, que conta com a melhor do ano na distância: a americana Elizabeth Beisel. Joanna estará na raia oito (4m40s79) e Elizabeth, na quatro (4m31s74). Em Pequim/2008, a australiana Stephanie Rice foi a campeã da disputa (4m29s45). Stephanie estará na série anterior ao lado da inglesa Hannah Miley, segunda melhor marca do ano (4m32s67). O Brasil fecha sua participação no primeiro dia de seletivas com a “prova dos Felipes”: os 100m peito. Felipe França Silva está na quinta das seis séries eliminatórias, na raia cinco, ao lado do italiano Fabio Scozzoli, que vem na baliza quatro. Felipe Lima está na última bateria, a mesma dos japoneses Kosuke Kitajima e Ryo Tateishi. Esta prova promete fortes emoções, pois Felipe França tem o terceiro melhor tempo do ranking de 2012 (59s63), feito no Troféu Maria Lenk. Na lista do ano, ele está atrás apenas de Kitajima (58s90), que luta pelo tricampeonato olímpico, e de Tateishi (59s60). Scozzoli fez 59s42 quando ganhou a medalha de prata no Mundial de Xangai 2011 e este tempo o classificou para os Jogos. Outro que está balizado com o tempo de Xangai é o sul-africano Cameron Van der Burgh (59s49), ganhador da medalha de bronze na China. Assim, no balizamento de Londres, Felipe França entra nas eliminatórias como o quinto da prova e Felipe Lima (1m00s11), como o décimo. A quinta-feira de treinamentos foi tranquila para os atletas que estão em ritmo total de descanso para o começo da competição e cada um já cumprindo seus “rituais” de concentração. Fabíola Molina, a atleta mais experiente da equipe fala sobre isso. Veja abaixo no ‘Leia Mais’.