CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Maratonas Aquáticas

15/09/2021 10:03:00

Brasília recebe 4ª Etapa do Campeonato Brasileiro e Copa Brasil de Maratonas Aquáticas


Competição começa nesta sexta-feira

Foto: Divulgação/CBDA Brasília recebe 4ª Etapa do Campeonato Brasileiro e Copa Brasil de Maratonas Aquáticas
15/09/2021 10:03:00

(Rio de Janeiro, 15 de setembro de 2021) O Iate Clube de Brasília recebe, nesta sexta-feira (17) e sábado (18), a 4ª etapa do Campeonato Brasileiro e Copa Brasil de Maratonas Aquáticas. A competição definirá as seleções brasileiras que irão ao Sul-Americano Juvenil e à Copa Pacífico que serão realizados ainda este ano.

Ao todo, 345 atletas de 42 clubes estão inscritos para a competição. Na sexta-feira, serão realizadas as provas de 10 km do Campeonato Brasileiro e de 2,5 km da Copa Brasil. No sábado, os atletas vão para a água para a distância de 5 km tanto do Campeonato Brasileiro, quanto da Copa Brasil.

Nos 10 km, os dois melhores homens e as duas melhores mulheres nascidas em 2002 e 2003 estarão classificados para o Sul-Americano. Na mesma prova, respeitando a representatividade de regiões, os melhores colocados serão convocados para a Copa Pacífico. Vale lembrar que, para a Copa Pacífico, a idade de classificação é entre 1998 e 2001.

Nos 5 km, a dinâmica é parecida. A diferença fica por conta da idade de classificação. Serão convocados atletas nascidos em 2006 e 2007.

“Será a definição das nossas duas seleções e podemos perceber que os atletas e treinadores estão muito empolgados com esta etapa. O Iate Clube de Brasília e a Federação de Desportos Aquáticos de Brasília nos deram total apoio na realização desta que será mais uma bela competição de Maratonas Aquáticas”, disse o diretor de Maratonas Aquáticas da CBDA, Sergio Silva.

Além das quatro provas características do Campeonato Brasileiro e da Copa Brasil, a CBDA realizará uma prova de 1 km para atletas da categoria Petiz. A ideia é trabalhar as categorias de base da modalidade.

“Queremos os mais jovens conhecendo as Águas Abertas. A modalidade tem duas medalhas olímpicas, sendo uma de ouro conquistada recentemente em Tóquio. Os mais jovens precisam ter a oportunidade de sonhar em ser uma Ana Marcela, uma Poliana Okimoto e quem sabe um dia conquistar uma medalha olímpica também”, completou.

Campeonato Brasileiro

+ Veja todas as informações da prova de 10 km

+ Veja todas as informações da prova de 5 km

Copa Brasil

+ Veja todas as informações da prova de 2,5 km

+ Veja todas as informações da prova de 5 km